Segunda-feira, 20 de Junho de 2005

Sebastião e Silva - O que se passa?

Sinceramente, por mais que me esforce, não consigo entender o " estado de graça " em que este Governo ainda se encontra e a apatia dos " media ".
E refiro-me a este Governo, que é do PS, como me referiria a qualquer um outro Governo, fosse ele do PSD. Aliás também fui crítico do anterior Governo e não me considero um “ bota-abaixo “.
É que desde Abril de 1974 que aqueles dois partidos políticos - PS e PSD -, têm alternado no poder.
Sendo assim, pergunta-se: se o País está, efectivamente mal, de quem será a responsabilidade? Dos funcionários públicos? Dos professores? Dos magistrados e dos funcionários judiciais?
Deixem-me dar um exemplo, abstracto:
Se um Banco, ao fim de 30 anos, estiver à beira da bancarrota devido à incompetência dos administradores e dos gestores que teve durante esse tempo, será admissível, tolerável vir a sua adminsitração para a opinião pública dizer: a culpa da situação é do porteiro; dos caixas; do ascensorista, etc. e, por isso, vamos ter de reduzir 50% do vencimento dessa gente, mantendo, é certo, os vencimentos - chorudos - dos adminsitradores. Porém e porque a crise é para todos, os vencimentos - chorudos - destes senhores também não serão aumentados nos próximos 3 ou 4 anos…
Mas afinal fazem de nós parvos, a Comunicação Social anda distraída ou o que é que se passa?
A Espanha saíu de um regime autoritário, tal como nós; entrou na CEE em 1986, tal como nós e, no entanto, está muito mais desenvolvida do que nós. Porque será? Tem melhores funcionários públicos; melhores professores, etc? E mesmo admitindo que os tem, a culpa será de quem?
Outro exemplo:
Como se admite que um político que foi responsável por um enorme rombo no erário público - v.g. obras do Metro no Terreiro do Paço, em Lisboa; Ponte Vasco da Gama que custou o dobro do previsto, etc -, venha agora para a televisão e para os jornais, a falar de cátedra, como se não tivesse nenhumas responsabilidades na crise, muito grave, que atravessamos?
Outro exemplo, por uma questão de pluralismo partidário: Como se admite que o líder da oposição que esteve anos no poder, embora alternados, apareça agora com receitas milagrosas para todas as maleitas do país?
Foi uma balbúrdia como a que se vive actualmente que levou ao final da 1ª República e à instauração de um regime autoritário, lembram-se?
E agora só não acontecerá o mesmo porque, pelo menos por enquanto, estamos integrados na UE.
Face à manifesta incompetência demonstrada pelos políticos que nos governam desde 1974, seja qual for a cor política, não terá chegado a altura de limitar os mandados dos políticos obrigando, assim, à sua renovação e à esperança de que…. um dia, a competência política apareça?
Eu, por mim, confesso que estou cansado de ver na AR, nos Governos e nas autarquias as mesmas caras e, óbviamente, as mesmas competências, ou melhor,incompetências.
Confesso também que quando leio alguma imprensa estrangeira e vejo o retrato que fazem de Portugal, o país mais miserável da UE, que só ocupa os lugares cimeiros onde não devia ocupar - criminalidade, sinistralidade rodoviária, vencimentos dos gestores públicos, etc. -, sinto, verdadeiramente, vergonha de ser português, de ter tido o azar de ter nascido neste canto da Europa e pergunto-me: Será que os nosso políticos sentirão o mesmo? Dormirão eles com a consciência tranquila?
Valha-nos Nº Srª de Fátima que é o que nos resta!...
Sebastião e Silva



publicado por quadratura do círculo às 17:52
link do post | comentar | favorito
|

.pesquisar

 

.Fevereiro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28


.posts recentes

. Carlos Andrade - Suspensã...

. Carlos Andrade - Suspensã...

. Teste

. João Brito Sousa - Futecr...

. Fernanda Valente - Mensag...

. António Carvalho - Mensag...

. João G. Gonçalves - Futec...

. J. Leite de Sá - Integraç...

. J. L. Viana da Silva - De...

. António Carvalho - Camara...

.arquivos

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

. Janeiro 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds