Quinta-feira, 2 de Dezembro de 2004

Luciano Brito - Solidariedade com o PR

Permitam-me que expresse a minha solidariedade para com o Senhor Presidente da República, não relativamente à decisão de dissolver o Parlamento (essa era expectável e óbvia) mas, retroactivamente, e na sequência da "fugatta" (benvinda, apesar de tudo) do então Primeiro Ministro Dr. Durão Barroso.
Deixem que me explique : quando da supra-citada ocorrência, a Oposição reclamou, como era seu dever e bem, a dissolução do Parlamento. Só que, e aí começa o drama do Senhor Presidente da República que compreendo e julgo interpretar: o então Secretário Geral do Partido Socialista, Dr. Ferro Rodrigues, teve o "cuidado" de se antecipar e tapar as saídas, plausíveis e correctamente políticas, para evitar a crise - de imediato afirmou que queria eleições antecipadas mas antes da realização do Congresso do PS que, entretanto, já havia sido decidido fazer-se.
Isto é, o Dr. Ferro Rodrigues cometeu o mesmo "pecado" que o Dr. Santana Lopes: ambos foram "gulosos" pelo poder, a todo o custo, "assobiando para o lado", distraidamente, para não se submeterem ao veredicto dos militantes dos respectivos partidos, antes de se instalarem, comodamente, na cadeira do respectivo poder.
Então, digo eu, o Senhor Presidente da República "entalado" pela antecipação do Secretário Geral do PS e, naquelas circunstâncias, sem solução alternativa credível, teria optado por, como se dizia na guerra do Ultramar, decidir : "Deixa-os pousar !"
E, não é que, de "galho em galho" (leia-se, tarzanescamente de indefinição em indefinição) foram pousando, tendo o Senhor Presidente da República apenas que esperar, calmamente, "sentado", que se "pusessem a jeito", o que veio a acontecer com "a gota de água" da carta do Ministro dos Desportos e "Afins" (não me lembro do resto do nome do ministério que, tal como a pergunta sobre o Referendo, é destinada a seres superiormente dotados, o que não é o meu caso !).
Mais do que o coro de loas entoadas pelos múltiplos quadrantes políticos e de comentadores, mais do que expressar a opinião de que "mais vale tarde que nunca", quero louvar a "pachorra" do Senhor Presidente da República em aguardar, serenamente e de modo muito "british" (também não admira !), que os "artistas" acabassem o seu "trabalho".
O "copo", para receber a "gota transbordante", já estava preparado desde a "entaladela" propiciada pelo Dr. Ferro Rodrigues ao Senhor Presidente da República. Peço licença para parafrasear as palavras, recentes, da primeira figura da República : é uma questão de sede ! Bem aventurados os que dão de comer a quem tem fome e, como na situação em apreço, dão de "beber" a quem tem sede !
Luciano Brito
publicado por quadratura do círculo às 18:58
link do post | comentar | favorito
|

.pesquisar

 

.Fevereiro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28


.posts recentes

. Carlos Andrade - Suspensã...

. Carlos Andrade - Suspensã...

. Teste

. João Brito Sousa - Futecr...

. Fernanda Valente - Mensag...

. António Carvalho - Mensag...

. João G. Gonçalves - Futec...

. J. Leite de Sá - Integraç...

. J. L. Viana da Silva - De...

. António Carvalho - Camara...

.arquivos

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

. Janeiro 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds